sexta-feira, março 16, 2007

Curiosidade: Tudo por causa do rabo do cavalo


A bitola dos caminhos de ferro (distância entre os 2 carris) dos Estados Unidos é de 4 pés e 8,5 polegadas (1,44m).
Porque foi usado este numero?
Porque esta era a bitola dos caminhos de ferro ingleses e, como os caminhos de ferro americanos foram construídos pelos ingleses, foi usada esta medida.
Porque é que os ingleses usavam esta medida? Porque as empresas Inglesas que construíam os vagões eram as mesmas que construíam as carroças antes dos caminhos de ferro e utilizaram as mesmas bitolas das carroças.
Porquê as medidas (4 pés e 8,5 polegadas) para as carroças?
Porque a distância entre as rodas das carroças deveria caber nas estradas antigas da Europa que tinham esta medida.
E por que tinham as estradas esta medida?
Porque estas estradas foram abertas pelo antigo Império Romano aquando das suas conquistas, e estas medidas eram baseadas nos carros romanos puxados por dois cavalos.
E porque é que as medidas dos carros romanos foram definidas assim?
Porque foram feitas para acomodar 2 traseiros de cavalo!

Finalmente... O vaivém espacial americano, o Space Shuttle, utiliza 2 tanques de combustível (SRB - Solid Rocket Booster) que são fabricados pela Thiokol no estado do Utah.
Os engenheiros que projectaram estes tanques queriam fazê-los mais largos, porém tinham a limitação dos túneis ferroviários por onde eles seriam transportados, que tinham as suas medidas baseadas na bitola da linha, que estava limitada ao tamanho das carroças inglesas que tinham a largura das estradas europeias da época do Império Romano, que tinham a largura do Cu de 2 cavalos.

Conclusão: O exemplo mais avançado da engenharia mundial em design e tecnologia é baseado no tamanho do traseiro do cavalo romano...

10 Comments:

Blogger Fallen Angel said...

É assim a vida... ;-)

« Olha as coisas com humildade, até o barro tem poesia ».

Bom fim de semana, menina.

Beijos.

11:50 da manhã  
Blogger Capitão Merda said...

As coisas que esta mulher sabe...

12:03 da tarde  
Blogger Geo said...

lolol brilhante conclusao ehehehe

bom f.d.s.
bj

12:25 da tarde  
Blogger Peste said...

já conhecia a história e é realmente curioso como tanta tecnologia assenta em bsases tão antigas e básicas

beijocas

12:30 da tarde  
Blogger toma lá Fresquinho said...

o que um gajo aprende !

12:35 da tarde  
Blogger Álex said...

a história escreve-se assim, uma por cima da outra, uma consequência da outra (e a tecnologia inclui-se)
interessante e com direito a umas gargalhadas, gostei!

4:18 da tarde  
Blogger Crystalzinho said...

As coisas que tu descobres!!
Quem diria que os culpados de tudo são os cavalos romanos!!
Bjs

9:39 da tarde  
Blogger Tiago said...

Ele há coisas do arco da velha! Quem diria!? Enfim, tecnologias evoluem, os impérios mudam, mas os cus dos cavalos, nunca mais hão de alargar!

11:04 da tarde  
Blogger Nanny said...

Já conhecia a dissertação e acho que está fabulosa!

Deixaste-me assim :-)

Bom fim de semana

12:38 da manhã  
Blogger VICIO said...

assim como a vida de um homem em sua grande parte é baseada no tamanho do traseiro de uma mulher...

1:21 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home