domingo, outubro 22, 2006

Marie Antoinette


Fui ver o filme Maria Antonieta da Sofia Coppola com um orçamento de 40 milhões de dólares. Bem se tivesse sido realizado por qualquer Francisco da Silva eu até compreendia, estamos habituados a dizer mal de tudo que é portuga, mas da Sofia, sendo filha de quem é, há sempre quem queira ver mais além, ver coisas que eu infelizmente não vi.

O filme com 2h e 6 minutos é uma seca, se tivesse ido ver à noite até tinha adormecido como me acontece a ver televisão. Passa-se para aí 1h e 45m a ver a Maria Antonieta, os seus sapatos, os seus sapatos, os vestidos, os bolos de pastelaria, os sapatos, os sapatos ( não, não é erro estou mesmo a escrever 2 vezes), os vestidos, os bolos e esperar que o futuro Luís XVI coma a gaja. Mas nada, o catraio (que só tinha para aí 16 anos quando casou e ela tinha 17) só queria era reinar com as caçadas. Gajas nem vê-las, até vai ao médico (não é bem assim o médico é que vai ao palácio) para ver se está tudo bem ou se é assim para o amaricado. O actor escolhido não aparentava nada aos tais 16 anos, pois tinha uma barba serrada, assim no vigor da idade, lá para os 20 e tais.

O que a Sofia Coppola quer mostrar é que a Maria Antonieta era uma adolescente como as dos nossos dias, com as suas futilidades, as suas amigas, os joguinhos de cartas e os flirts. Até a leva em noitadas assim a atirar para as idas ás discotecas do sec. XVIII. A única coisa que eu achei gira no filme foi a mistura da música punk (será? não percebo lá grande coisa de música) com o ambiente palaciano do sec. XVIII. De resto acho que qualquer semelhança com a história só mesmo o palácio de Versailles...

Agora coisas que eu reparei e que se calhar não era para reparar:
- as cuequinhas de algodão tipo sloggi da actriz
- uns ténis all star no meio dos sapatinhos da Mª Antonieta (uma amiga minha diz que estão lá propositadamente…)
- alguns dos penteados não eram mesmo nada da época
- A bandeira americana em 1780 não era igual à actual …

4 Comments:

Blogger Fezoca said...

so estou lendo criticas ruins a esse filme. tenho vontade de ver, pois gosto da Sofia, mas.... beijos!

4:21 da tarde  
Anonymous sara e maggie said...

Sim, os ténis All Star estão lá propositadamente. Sugestão: talvez se leres mais qq coisa sobre o q está por trás do filme, as intenções da realizadora, os livros e biógrafos em q se baseou e ainda alguma coisa sobre a vida de Maria Antonieta, talvez consigas encontrar algum interesse no filme e descobrir subtilezas e bastantes pormenores verídicos acerca de Maria Antonieta, das pessoas q a rodeavam e do contexto em q vivia. Penso q para criticar este filme é preciso ter um conhecimento mínimo sobre a rainha Maria Antonieta e do ambiente q a envolvia. Sem esse conhecimento mínimo é fácil dizer q o filme não presta, que não tem uma história de fundo, q tem demasiados sapatos, demasiados bolos, etc. Mas no fundo, penso q tudo faz sentido da maneira como está feito retratado. Para quem não conhece a História (sim, com H maiúsculo), realmente parece não haver uma história mas ela está lá toda. Pesquisa um bocadinho sobre a época e as figuras históricas do filme e depois vai vê-lo outra vez.

4:45 da manhã  
Anonymous Darla said...

No entanto continuo sem perceber o porque das sapatilhas. Na minha opiniao e propaganda! All stars que eu saiba ainda nao havia naquele tempo...repito que eu saiba!

7:44 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

CONCORDO PLENAMENTE SARA E MAGGIE!
PARA SE CRITICAR NÃO BASTA SIMPLESMENTE OLHAR PARA UMA TELA E DIZER KE O K SE VÊ É SEMPRE O MESMO.
SE CALHAR NEM SABES QUE O FILME DA SOFIA COPPOLA, PELO QUAL ESPEREI MESES APOS A ANUNCIAÇÃO DE TAL EVENTO, POIS SOU ADMIRADOR E FANÁTICO POR MARIE ANTOINETTE, FOI INSPIRADO NO LIVRO DE ANTONIA FRASER CUJO TÍTULO É "MARIA ANTONIETA - A VIAGEM".
TODA A INFÂMIA E CALÚNIA QUE FORA PROPAGANDA NÓ SÉCULO XVIII NÃO PASSA DE CALÚNIA. PARA RELER E COMPREENDER A PERSONAGEM DE MARIE ANTOINETTE É NECESSÁRIO TER-SE UM MÍNIMO DE CULTURA E SABER O CONTEXTO EM KE MARIA ANTONIETA ERA MOVIDA COMO UM PEÃO NO TABULEIRO DE XADREZ PARA ACEDER AOS INTERESSES ALHEIOS DAS DUAS MAIORES POTÊNCIAS EUROPEIAS: AUSTRIA E FRANÇA.
MARIA ANTONIETA FOI LITERALMENTE ENVIADA "NUA" PARA UMA CORTE DE ETIQUETA RÍGIDA E PREFECCIONISTA. UMA MENINA QUE ENTROU PARA UMA CORTE ONDE A INTRIGA E O ESCANDALO ABUNDAVA.
ANTES DE SE CRITICAR A CONDUTA DE MARIE ANTOINETTE DEVEMOS PERCEBER A PRESSÃO QUE ERA ESBAJADA EM SI POR NÃO CONCEBER UM FILHO, O SEU SOFRIMENTO ERA DEPRIMENTE E A COITADA É KE ERA A VITIMA DE UMA PERSONALIDADE FRACA DO MARIDO. SENTINDO-SE SOZINHA MARIE ANTOINETTE TEVE DE DEFENDER-SE COM O K TINHA À MAO E NAO PODENDO ENTRAR EM ASSUNTOS OFICIAIS DE ESTADO DEFENDEU-SE ENTREGANDO-SE AOS PRAZERES DA VIDA, DO LUXO, DAS FESTAS, DO JOGO E DAS SOMAS ASTRONOMICAS K APOSTAVA. É NECESSÁRIO CONHECIMENTO MINIMO DE PSICOLOGIA PARA PERCEBER KE ELA APENAS KERIA SE SENTIR BEM COMO KUALKER OUTRA PESSOA. ACABOU GUILHOTINADA SEM PROVAS DE TODAS AS ACUSAÇÕES.A INJUSTIÇA MAIS UMA VEZ AO SERVIÇO DOS KE APENAS KERIAM SER NORMAIS. RECUSOU O SERVIÇO RELIGIOSO E AS SUAS ULTIMAS PALAVRAS: PERDÃO MEU SENHOR. EXCEPTUANDO A FRASE KE FOI UMA CALUNIA: MARIA ANTONIETA JAMAIS PROFERIU KE O POVO COMESSE BRIOCHES OU BOLOS EM FALTA DO PÃO.

12:54 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home