segunda-feira, abril 28, 2008

O banho do gajo

Coça os tomates, enquanto decide se toma banho ou não.

Diz "Que porra!", dá um peido e, sentado na cama, despe-se atirando a roupa para o chão.

Em cuecas vai para a casa de banho. Se vê a mulher/namorada, mostra-lhe a pila e imita o som do elefante.


Pára em frente ao espelho para se observar. Encolhe a barriga, admira o tamanho da pila ao espelho, coça os tomates e cheira as mãos antes de tomar banho.

Entra na banheira.

Lava a cara com o 1º sabonete ou gel que vê.

Lava a cabeça com o 1º sabonete ou sabão ou champo que vê.

Faz um penteado "punk“.
Abre a cortina do duche para se ver ao espelho com o penteado "punk“.

Farta-se de rir com o barulho que faz dar um peido dentro da banheira.

Lava as partes privadas e os arredores com sabão.

Lava o rabo com sabão e deixa-o cheio de pêlos.

Mija dentro do duche, tentando acertar no ralo.

Apercebe-se que o chão está encharcado porque deixou a cortina de
fora quando se foi ver ao espelho.


Sai do duche e semi-enxuga-se.

Vê-se outra vez ao espelho, fazendo músculos e vendo o tamanho da pila.
Deixa a cortina aberta, o sabão no chão e o tapete molhado.

Deixa a luz da casa de banho acesa.

Regressa ao quarto com uma toalha à cintura. Se vê a mulher/namorada, mostra-lhe a pila e volta a imitar o som do elefante.
Atira a toalha molhada para a cama e veste-se em 2 minutos.

É assim ou não é?

5 Comments:

Blogger croqui said...

é "sim-sinhor"

;-)

5:02 da tarde  
Blogger monica said...

Fartei-me de rir a ler isto, os homens são eternos adolescentes, bom nem todos!. Bjinhos

5:21 da tarde  
Blogger bjecas said...

Tirando a parte do uso do sabonete, confirmo!

\m/

1:41 da manhã  
Blogger Capitão Merda said...

Tudo mentira!

12:17 da tarde  
Blogger migvic said...

Pôrra, que exagero, só imitamos o elefante uma vez, a segunda já não tem piada.

11:45 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home